COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

CONTINUA a PROMOÇÃO:
livros com descontos
de 25% e 50%.

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
CATÁLOGO RESENHA
 
 
 
Instagram
TOPBOOKS - Editora e Distribuidora de Livros

POESIA EM BUSCA DO SUBLIME E DA PUREZA DA TERRA

Tríade poética, de Ary Albuquerque

Renato Bittencourt Gomes

Com a exceção de esparsos momentos de cunho social, os poemas do cearense Ary Albuquerque são uma deliberada busca do sublime. Seus versos brancos ou rimados configuram uma litania em louvor dos elementos naturais — o vento, o mar, a chuva, a manhã, o sol, a luz — uma glorificação do amor e da pureza: “sou natureza,/ amante da vida”. O eu lírico se comporta como um vigia da noite que, na sua solidão, quando todos os demais estão dormindo, põe-se a considerar o que vem a ser um mundo presidido por Deus, um panorama perfeito (ou quase perfeito, não fosse a insensatez dos homens, raça ingrata), um universo mergulhado em harmonia, posto que as contemplações do poeta ocorrem nas horas de quietude, em que tudo é paz.

Eventual nota mais aguda ferindo a paisagem, seus momentos de preocupação social não são de protesto ou revolta, mas de pasmo: “Só não entendo ver tanta epidemia e fome”. Nos poemas de amor, a sensualidade é amena, casta, diáfana (“Sinto-me tocando suavemente os teus seios/ como se estivesse tocando as estrelas./ Purifico minha alma”).

Visão comovida diante do abismo metafísico

Organizado pelo poeta e romancista José Alcides Pinto (o torturado autor da Trilogia da maldição, Topbooks), o material de Albuquerque foi disposto sob três intertítulos: “Ciclo do tempo”, “Poesia & poesia” e “Diálogo com a memória” — a Tríade que dá título geral ao volume. Esta distribuição estabelece uma leve diferenciação temática. Todavia, o poeta Albuquerque é o mesmo ao longo das três instâncias, do início ao fim. O ritmo, o imaginário e as obsessões permanecem, assim como permanece a visão comovida. No seu “Antiprefácio”, Gerardo Mello Mourão adverte que “não há dúvida que se trata de um poema único, um poème-fleuve , uma frase musical permanente e única, desenhando a tessitura da cantata na variedade de suas escalas”.

Na primeira parte, estão textos sobre a harmonia universal das coisas e um ou outro trecho em que revela uma certa angústia metafísica. Na segunda, cujo nome está como a denotar que o amor é por excelência o assunto da arte poética, foram reunidos poemas que enaltecem o amor, a amada sendo uma presença difusa — não sabemos se é uma ou muitas, não lhe conhecemos o nome ou a cor dos cabelos. Na terceira parte, acrescentam-se ao repertório peças marcadas pela memória lírica da infância e seus folguedos, não recuando diante do recurso de imprimir um acento narrativo aos versos e, finalmente, o objeto da angústia se concretiza: é o mistério da solidão, uma condição que assombra o eu lírico que, na sua candura, não se envergonha em proclamar sua crença em Deus, tampouco em chamar aos seres humanos de semelhantes.

É notável como o autor não descuida da idéia de pureza, evocada em várias palavras desse campo semântico (puro, virtuosa, cristalino). O eu lírico que propõe uma sensualidade pura e uma concórdia universal não chega a negar-se ao veneno do mundo, porque o desconhece. Não se trata de uma alma que, como a do organizador Alcides Pinto, compraz-se num dilaceramento entre a santidade e o transporte místico, por um lado, e o pecado e a maldição por outro: o poeta Ary Albuquerque é uma alma serena que trilhou sempre o lado limpo, inocente, claro. Sua busca não é pela purgação de contradições, mas sim por abismar-se em êxtase. Com fé, esperança e amor.

Renato B. Gomes é poeta

Caderno Prosa & Verso
O GLOBO
Rio de Janeiro
13/03/2004

Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2019 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV