COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

CONTINUA a PROMOÇÃO:
livros com descontos
de 30% e 50%.

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
CATÁLOGO APRESENTAÇÃO
 
 
 
Instagram
TOPBOOKS - Editora e Distribuidora de Livros

CAMINHOS DO AÇÚCAR

Edson Nery da Fonseca
Professor Emérito da UnB e autor, entre outros, de
Gilberto Freyre de A a Z (2000) e Em torno de Gilberto Freyre (2007)

Admiro no Raul Lody o talento que ele tem para escrever muito claramente a respeito de qualquer assunto que aborda. Lendo este seu Caminhos do açúcar, me vi como que transportado para a casa do meu querido Gilberto, de quem não canso de dizer que foi a grande figura de mestre que me ficou. Lendo os livros de Gilberto Freyre eu passei a compreender o Brasil em todas as suas nuances. E sempre busquei aproveitar ao máximo os momentos em que gozava de tê-lo como companhia. Homem de acentuado sense of humour, Gilberto cultivava suas amizades quase que com a mesma dedicação que despendia para a elaboração de suas obras. Vivenda de Santo Antônio de Apipucos, quanto do mundo reside nela! E quantas boas lembranças eu guardo de lá!

Não deixa de ser com certa nostalgia que o universo freyriano aparece neste novo livro do Raul Lody. Por alguma razão, a forma como ele foi concebido, buscando abarcar vários temas abordados por Freyre em obras como Nordeste, Guia prático, histórico e sentimental da cidade do Recife, Açúcar e Apipucos: que há num nome?, me fez recordar o poema “Antologia”, do meu querido Manuel Bandeira, no qual faz uma espécie de apanhado de belos versos seus, reunindo-os no que se assemelha a um flashback instantâneo.

Nada parece escapar ao olhar perscrutador do Raul Lody. Ele, que também teve o privilégio de conviver com Gilberto – sua recordação do quase ritual em torno do conhaque de pitanga é como que uma celebração disso –, conseguiu aprender com seu mestre a amar o Recife e as coisas de Pernambuco como só os arraigadamente recifenses e pernambucanos conseguem, porque esse apego telúrico é ao mesmo tempo paz e revolta, raiva e mansidão, desejo e devoção.

Este Caminhos do açúcar veio a lume para nos dizer que o mundo que Gilberto Freyre criou – ou recriou, como queiram – é um mundo cuja abrangência vai muito além das simples especulações e dos meros traçados explicativos a respeito disto ou daquilo, porque, como bem evidencia o seu autor, Gilberto Freyre observava o homem que, ainda que situado no trópico, é um uomo universale, uma vez que carrega em seus modos de comer e de vestir, em suas maneiras de brincar e de amar e em suas buscas do sobrenatural uma mistura de elementos que podem muito bem, respeitando as singularidades das culturas, ser encontrados nos quatro cantos da Terra.

É, portanto, com grande alegria e regozijo que louvo este novo livro do Raul Lody, porque encontro em seu autor um fiel aprendiz e seguidor desse mestre de todos nós, que foi Gilberto Freyre, de quem sempre me esforcei por seguir-lhe as pegadas pelas areias do tempo.

Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2019 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV