WhatsApp:  (21) 98563-3713
COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

Topbooks 30 anos

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
CATÁLOGO APRESENTAÇÃO
 
 
 
Instagram
 
WhatsApp:
(21) 98563-3713
TOPBOOKS - Editora e Distribuidora de Livros

UMA VIDA NÃO BASTA

Adriano Espínola

Poucos romances brasileiros atuais conseguem já no primeiro parágrafo, de três linhas apenas, capturar a atenção do leitor (“Apesar dos 65 anos de idade e da experiência acumulada, Aníbal Cavalcanti se assustou com o que acabara de ouvir. Voltou a fita, e novamente a voz do filho o apunhalou”). Se o personagem se prende assim, de início, à voz gravada do filho, ouvindo-a repetidamente a lhe revelar inesperado ódio, nós outros, leitores, tomados de expectativa e tensão, nos sentimos de pronto fisgados pela escrita do autor.

E isso numa ficção literária é meio caminho andado. Em seu terceiro romance, Almir Ghiaroni consegue, com mão de mestre, associar uma trama policial a um drama existencial, envolvendo o bem-sucedido empresário Aníbal Cavalcanti e seus dois filhos, Ricardo e Antônio. Um quer destruí-lo, movimentando-se em várias direções para conseguir seu intento; o outro, retido numa cama em estado comatoso, termina por salvá-lo interiormente.

Vale ressaltar, ainda, a criação de alguns personagens que a esses três se relacionam, dinamizando a narrativa: Cristina, ex-namorada de Aníbal e mãe de Antônio; o casal amigo Taddeo e Cecília; a mulher Isabel e a filha adotiva Gabriela. Também admirável é a composição do bicheiro Tito, em contato com o inescrupuloso Ricardo.

Os sentimentos de vingança, raiva e ambição material desenfreada ao lado da compaixão, da busca espiritual e da serenidade mobilizam, em diferentes graus, tais personagens, delineando tematicamente, a um só tempo, a mítica batalha entre as forças do bem e do mal (incluindo aí o antigo conflito entre pai e filho) e o desejo de transcendência do homem numa história que tem perfil e andamento de thriller cinematográfico.

Nesse sentido, merece destaque a notável capacidade de visualização do espaço por parte do escritor, o desenho das paisagens urbana e rural – representadas pelo Rio de Janeiro e a região de Paraíba do Sul – bem como dos ambientes internos. Não ficam atrás a composição física dos personagens principais e secundários e o domínio da temporalidade, quer na reconstituição do passado, quer na condução de suas ações no presente da narrativa. Os cortes, closes, deslocamentos e rapidez das cenas e diálogos reforçam o caráter fílmico do relato, servido ainda pelo ritmo incisivo das frases e parágrafos curtos, já no plano literário.

A história transcorre nos dias de hoje, entre aquelas duas cidades. É plena de atualidade e verossimilhança, social e psicológica, a moldar o comportamento de boa parte dos personagens, no contexto de uma sociedade ferozmente competitiva e financista. Em contrapartida, atitudes e desejos de despojamento, espiritualidade e solidariedade se manifestam noutros personagens, os quais acabam por transformar “o estrategista vitorioso no mundo dos negócios”: o frio e calculista Aníbal.

Aqui, parece quase inevitável – guardadas as proporções estilísticas e as forças compositivas de cada um, inclusive ideológicas – a aproximação desse protagonista ao Paulo Honório de São Bernardo, romance de Graciliano Ramos. Ambos, Aníbal e Paulo, são seres brutos, ambiciosos, mas que, ao fim da narrativa, acabam por reencontrar sua perdida humanidade depois de experimentar episódios trágicos.

Aí está outra grande e definitiva qualidade de Uma vida não basta: o valor humanístico que transmite. A força e a fé na vida. A crença em que podemos ser melhores do que somos. E de que a arte, tal qual este romance, com sua promessa de felicidade centrada na beleza (como queria Stendhal), termina por humanizar o homem, moral e socialmente.

Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2020 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV