COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

CONTINUA a PROMOÇÃO:
livros com descontos
de 25% e 50%.

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
CATÁLOGO RESENHA
 
 
 
Instagram
TOPBOOKS - Editora e Distribuidora de Livros

AFONSO ARINOS ADVERTIU QUE LIGAÇÃO AOS EUA PODE FAZER DO BRASIL UM 'GRANDE PARAGUAI'

 

Crítica à política externa de Castelo Branco serve ao chanceler Ernesto Araújo

 

Tiago Vasconcelos

 

 


Afonso Arinos de Melo Franco foi senador e chanceler do Brasil nos
anos 1960. (Foto: Arquivo/FGV)

A política externa do chanceler Ernesto Araújo, de alinhamento aos Estados Unidos, pode fazer do Brasil “uma espécie de grande Paraguai”, segundo alertou Afonso Arinos em seu livro de memórias A Alma do Tempo, de 1.779 páginas, da Topbooks. No livro, concluído 40 anos antes da vitória de Jair Bolsonaro, Arinos analisa a política externa do governo Castelo Branco e destaca que foi um erro aceitar, “com invariável docilidade”, a linha do Departamento de Estado (americano). A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

 

Para Arinos, o erro é considerar que somente se alinhando aos EUA o Brasil “poderia cumprir com os seus deveres” de país ocidental. Chanceler brasileiro de 1961 a 1962, Arinos advertiu: o interesse nacional é a primeira motivação da política externa, mas não é a única. Para Arinos “é elementar” que a defesa dos interesses do Brasil seja diferente no país e no exterior, pois não há lei que obrigue dois países.

 

Publicado no blog Diário do Poder, de Cláudio Humberto, em 22.01.2019.

 

Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2019 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV