COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

TOPBOOKS 27 anos:
livros com descontos
de 25% e 50%.

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
CATÁLOGO HISTÓRIA
 
 
 
Instagram
Sua solicitação está sendo processada. Aguarde por favor.
A Cidade do Rio Grande
 
   

— Os espanhóis colonizaram o Rio Grande do Sul antes dos portugueses? Onde se localizou a primeira tentativa de criar povoação no Rio Grande do Sul português? Por que diversos autores apontam Cristóvão Pereira de Abreu como fundador de Rio Grande, e não Silva Paes? Qual a origem do nome do estado gaúcho? O almirante Joaquim Marques Lisboa, marquês de Tamandaré, nasceu em Rio Grande ou em São José do Norte? É a praia do Cassino a maior do mundo? A partir de consultas aos documentos originais de época, essas e muitas outras perguntas são respondidas aqui pelo jornalista Willy Cesar, que fez centenas de entrevistas para compor o dia a dia da cidade. Seu objetivo foi apresentar a narrativa desencadeada desta região do Brasil, desde a formação geológica do território, há milhões de anos, até os dias atuais; e apontar a luta do povo português e do rio-grandense nativo, o gaúcho, para dar sentido de nação ao Rio Grande do Sul, integrado ao Brasil. Este livro, de conteúdo e estética essencialmente jornalísticos, é uma grande reportagem sobre Rio Grande e sua população, e vem enriquecido com dois excelentes cadernos de fotos (32 páginas).

   
Willy Cesar R$ 63,90
R$ 47,93

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-259-4; 540 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
A Companhia de Santa Bárbara – Um caso da indústria têxtil em Minas Gerais
 
   
— Fundada em maio de 1886, a Companhia de Santa Bárbara é empresa industrial têxtil das mais antigas de Minas Gerais e do Brasil. Ainda em pleno funcionamento, ela completa 120 anos em maio de 2006. Este livro, resultado de minuciosa pesquisa realizada pelo economista e historiador Fernando da Matta Machado, conta a história da companhia e da fábrica de tecidos fundada em 1888, e disponibiliza, para futuras gerações de historiadores, importante acervo documental sobre um capítulo fundamental da industrialização em Minas Gerais, até então inacessível aos estudiosos.
   
Fernando da Matta Machado R$ 23,90
R$ 17,93

Quantidade   

ISBN: 85-7475-118-9; 191 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
Bahia indígena
 
   
— Este livro reúne ensaios de dois especialistas no estudo das populações autóctones do Brasil, em especial as que ocupavam a Costa do Descobrimento, na Bahia. Em "Encontro de dois mundos", a antropóloga Célia B. Giménez fala sobre as famílias indígenas de maior influência no território brasileiro, o mundo tupi e a visão do paraíso, as migrações, a língua, os heróis canibais, a lenda do Eldorado, a nação pataxó e sua filiação étnica. Depois é a vez de Raimundo S. Coelho, em "Verdade do Descobrimento do Brasil", revelar-nos informações preciosas sobre o Tratado de Tordesilhas, Pero Vaz de Caminha, a primeira e a segunda missas, Vera Cruz, Santa Cruz e Santa Cruz de Cabrália. O livro traz ilustrações e nove mapas que mostram as migrações pré-colombianas, antigos sítios arqueológicos na América e distribuição das famílias indígenas (como caribe, pano, tucano, kariri, nambikwara, yanomami, tupi e guarani, entre muitas outras). Editado em convênio com as Faculdades do Descobrimento e as Faculdades Polifucs, da Bahia.
   
Célia B. Giménez e Raimundo S. Coelho R$ 28,00
R$ 21,00

Quantidade   

ISBN: 85-7475-096-4; 239 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
D. João VI no Brasil
 
   

— Lançado originalmente em 1909, este clássico da historiografia brasileira teve uma segunda edição apenas em 1945, e depois ficou mais de meio século fora das livrarias: somente em 1996 ganhou sua terceira edição, pela Topbooks, saudada com entusiasmo pela imprensa especializada. Passados 10 anos, saiu com nova capa, mais bonita, a quarta edição desta obra-prima do historiador pernambucano, a quem Gilberto Freyre referia-se como “Dom Quixote gordo”. Com prefácio do respeitado crítico Wilson Martins, o livro de Manuel de Oliveira Lima (Recife, 1867/Washington DC, 1928) é até hoje o mais utilizado como base de estudos para a confecção de obras de época, entre romances, filmes, peças de teatro e seriados de televisão, por ser o mais completo e detalhado sobre a chegada da família real ao Brasil, em 1808, e as mudanças que tal fato desencadeou na história do país.

   
Oliveira Lima - Prefácio de Wilson Martins R$ 69,00
R$ 51,75

Quantidade   

ISBN: 85-7475-123-5; 790 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Resenha(s)  
   
Em berço esplêndido — Ensaios de psicologia coletiva brasileira
 
   
— Edição revista e aumentada de uma obra que procura entender o Brasil recorrendo, entre outras teorias, à psicologia junguiana. Meira Penna, conhecido liberal, passa em revista a obra dos principais autores que até o momento tentaram compreender o caráter brasileiro, de Paulo Prado a Roberto DaMatta.
   
José Osvaldo de Meira Penna R$ 44,00
R$ 33,00

INDISPONÍVEL

ISBN: 85.86020-98-2; 608 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
Entre Genebra e a Guanabara – A discussão política huguenote sobre a França Antártica
 
   
— No século XVI, a Baía de Guanabara abrigou a França Antártica, chefiada por Nicolas Durand de Villegagnon. Tal como a Europa de então, a colônia se encontrava dividida em vários grupos religiosos, sobretudo católicos e huguenotes, que mantinham relação ambígua e conflituosa. Os protestantes afirmavam procurar no Novo Mundo um lugar onde pudessem “melhor servir a Deus”. Neste livro, o autor – mestre e doutorando em história pela UFF – busca reconstruir a discussão através da qual os huguenotes elaboraram esse ideal e seus desdobramentos religiosos, políticos, econômicos e sociais, analisando cartas e relatos impressos produzidos por tão singulares personagens. A obra aborda a pluralidade de significados do continente americano para a cultura europeia da época, nessa aventura num Brasil dividido entre portugueses e franceses. Para o embaixador e historiador Vasco Mariz, autor de Villegagnon e a França Antártica (Topbooks), no ensaio de Luiz Fabiano “o leitor acompanhará a provável preparação de todos os aspectos desse projeto colonial huguenote a ser implantado nas Américas. (...) Esse novo ângulo escolhido pelo autor é original na nossa bibliografia sobre o assunto e merece atenção e estudo”.
   
Luiz Fabiano de Freitas Tavares R$ 35,90
R$ 26,93

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-193-1; 224 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Minhas recordações
 
   

— Escrito em 1887 e lançado em 1944, este foi apontado como “o melhor livro brasileiro de memórias do século XIX” pelo crítico An­tonio Candido, que acrescentou: “Ferreira de Rezende é um escritor direto e aparentemen­te tosco; mas o seu estilo, peculiar e original, é uma espécie de revelação constante da realidade (...). Minhas recordações [são um] exemplo da capacidade demonstrada por tantos mineiros de, inserindo o eu no mundo, mostrar os aspectos mais universais nas ma­nifestações mais particulares”. Com prefácio de Octavio Tarquínio de Souza e introdução de Cássio Barbosa de Rezende, esta segun­da edição, mais de seis décadas depois da primeira, ga­nha prefácio da historiadora Mary del Priore.

   
Francisco de Paula Ferreira de Rezende R$ 68,90
R$ 51,68

Quantidade   

978-85-7475-252-5; 508 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Navegação do Rio São Francisco
 
   
— Este livro examina a navegação a vapor do rio São Francisco e afluentes, no século XIX, como parte integrante de um amplo sistema geral de comunicação e transporte, unindo o norte ao sul do Brasil, através do centro, com diversas saídas para o oceano Atlântico. Trata também da constituição, atuação e liquidação da Empresa Viação do Brasil, que a realizou. Os efeitos desta navegação — que teve por objetivo aumentar as relações comerciais entre as regiões do Vale do São Francisco e os grandes centros produtores e consumidores nacionais e estrangeiros — perduram ainda hoje, nos alvores do século XXI. Fernando da Matta Machado, o autor, é economista e membro do Instituto Histórico e Geográfico de Sabará.
   
Fernando da Matta Machado R$ 39,00
R$ 19,50

Quantidade   

ISBN: 85-7175-044-1; 436 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
O Mal sobre a Terra — Uma história do terremoto de Lisboa
 
   

— Sucesso de público e crítica quando de seu lançamento, em 2003, ganha agora segunda edição revista este que é a primeira leitura brasileira sobre o terremoto que destruiu Lisboa em 1755. Num texto que se aproxima do romance policial, a autora, doutora em História, analisa os múltiplos significados da catástrofe a partir dos depoimentos dos sobreviventes, e tenta colher o que Foucault chamou de "o grão dos dias", aquele que se espalha pelos documentos como farinha opaca. No texto que preparou para a primeira edição do livro, a também historiadora Maria Yedda Linhares (1921-2011) destacou em Mary del Priore a "sensibilidade, estilo, bom gosto e domínio seguro da historiografia pertinente, bem como da documentação arquivística arrolada na Europa", ressaltando que ela "tem o dom da narrativa histórica, o domínio das fontes e da erudição do tema ao qual se dedica". Com caderno de ilustrações de época (16 páginas).

   
Mary del Priore R$ 53,90
R$ 40,43

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-255-6; 324 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação O(s) autor(es) Resenha(s)  
   
O Movimento da Independência
 
   
— Livro fundamental sobre este decisivo período da vida brasileira, escri-to com isenção e espírito crítico, foi considerado por ninguém menos que Alceu Amoroso Lima um dos mais perfeitos do autor de D. João VI no Brasil. Esta nova edição, além do lúcido prefácio do historiador Evaldo Cabral de Mello, conta com um acréscimo oportuno: rara conferência de Oliveira Lima sobre José Bonifácio de Andrada e Silva.
   
Oliveira Lima R$ 49,00
R$ 36,75

Quantidade   

TOP-003; 493 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
O reconhecimento do Império – História da diplomacia brasileira
 
   

— Consumada a Independência em 1822, o brado de Dom Pedro demorou a ser ouvido no exterior: o reconhecimento do Império do Brasil pelo Reino de Portugal só se deu em 1825. Nas palavras do próprio autor, “de 1823 a 1827 cou­be à jovem diplomacia brasileira pugnar na Eu­ropa pela admissão da nova nação americana no areópago político do mundo civilizado”. Obra lançada em 1901, só agora ganha segunda edi­ção, enriquecida por prefácio de Leslie Bethell e apresentação de Mary del Priore, que reconhe­ce aqui “uma história revigorada, (...) fortalecida pelo estudo das contingências, da crise, das re­lações de poder e conflitos delas decorrentes. Oliveira Lima? Hoje, um renovador”.

   
Oliveira Lima R$ 43,90
R$ 32,93

Quantidade   

978-85-7475-251-8; 224 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
O Rio de Janeiro Imperial
 
   

— Esgotado desde seu lançamento em 1946, este clássico de nossa historiografia, muito bem documentado, ganhou nova edição pela Topbooks mais de meio século depois, com uma revisão cuidadosa que recuperou trechos truncados, enriquecida pelo ensaio introdutório do historiador Alberto da Costa e Silva, então presidente da Academia Brasileira de Letras, e por mais de 100 ilustrações em três cadernos de fotos. Norteado pelo desejo de levantar a fiel e verdadeira imagem do centro de poder do país entre 1808 e 1850, Adolfo Morales de los Rios produziu obra que, além de ser uma homenagem à cidade, é importante contribuição histórica e sociológica à cultura brasileira, e não pode faltar na biblioteca de quem se interessa pelo Rio de Janeiro, que em 2015 festeja seus 450 anos.

   
Adolfo Morales de los Rios Filho R$ 60,00
R$ 45,00

Quantidade   

ISBN: 85.7475-016-6; 552 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Retratos do Império / Os Orléans, os Saxe-Coburgo e outras personalidades da época
 
   

— Escritor fecundo e de claro estilo; diplomata com longa experiência internacional; historiador da música brasileira; amigo e estudioso da vasta obra de Villa-Lobos; íntimo dos arquivos nacionais e estrangeiros – eis aqui apenas algumas das muitas singularidades que fazem de Vasco Mariz um dos personagens mais admirados da nossa vida cultural. Autor e/ou organizador de 74 livros, além de inúmeros prefácios – dentre os quais se destaca a apresentação à edição brasileira de A arte de governar, de Margaret Thatcher – ele compõe aqui uma bem urdida reunião de perfis de figuras que viveram e atuaram ao tempo do Império do Brasil. Aliando erudição e leveza a uma boa dose de irreverência, Mariz entrega a seu público fiel uma obra que se lê com gosto, tal a riqueza de informações que contém, além de um belíssimo caderno de fotos.

   
Vasco Mariz R$ 39,90
R$ 29,93

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-260-0; 256 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
   
Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2017 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV