WhatsApp:  (21) 98563-3713
COMPRAS      
 
TOPBOOKS - EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS

Topbooks 30 anos

A Editora Imprensa Homenagens Especiais Destaques Recomendados eBooks Como comprar Fale conosco Início do site
30livrosA10reais
CATÁLOGO LIVROS COM DESCONTO
 
 
 
Instagram
 
WhatsApp:
(21) 98563-3713
Sua solicitação está sendo processada. Aguarde por favor.
A Educação Nacional
 
   
— Editado pela primeira vez em Belém em 1890, esse livro importantíssimo só teve três edições em 123 anos de existência, apenas uma de alcance nacional. Na Introdução a esta quarta edição, o historiador José Murilo de Carvalho enfatiza que o paraense José Veríssimo, em seus breves 59 anos de vida, foi crítico e historiador da literatura brasileira, mas também “professor, educador, fundador de escolas e, sobretudo, pensador da educação. (...) Sua crença no papel fundamental da educação para a construção nacional é hoje mais atual do que nunca. Não se pode pensar em melhor lição de clarividência e patriotismo”. Entre os capítulos, destacam-se: A educação do caráter, A história pátria e a educação nacional e A educação da mulher brasileira. Para o ensaísta João Alexandre Barbosa, essa obra “ficaria como a mais representativa e importante da vertente pedagógica do crítico. (...). Escrita sob o impacto da transformação republicana, era explicitamente elaborada como uma contribuição às reformas que deveriam surgir com o novo regime político”, diz Barbosa no ensaio introdutório à terceira edição, de 1985. Publicado em parceria com a Editora PUC Minas.
   
José Veríssimo R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-222-8; 189 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
A inveja nossa de cada dia / Como lidar com ela
 
   
— Sucesso imediato de público desde o lançamento em 2001, esse livro do advogado, empresário, articulista e conferencista baiano – de quem a Topbooks editou também Anatomia do ódio, A força da vocação no desenvolvimento das pessoas e dos povos, As sete pragas do Brasil moderno e (as) 51 personalidades (mais) marcantes do Brasil – acaba de ganhar sua terceira edição (2018). Em linguagem leve e erudita, o ex-deputado federal constituinte e relator do Código de Defesa do Consumidor faz aqui uma obra enciclopédica e definitiva sobre esse tema polêmico. Além das muitas histórias de invejosos e invejados famosos ao longo dos séculos, ele mostra que ninguém está imune à inveja: até os seres mais talentosos e brilhantes foram capazes de invejar. Joaci Góes nos ensina a detectar o mal e atacá-lo antes que o estrago se torne irreversível.
   
Joaci Goes R$ 10,00

Quantidade   

978-85-7475-270-9; 526 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
Algumas partituras
 
   
— O prestigiado poeta cearense que mereceu elogios de Carlos Drummond de Andrade, entre muitos outros, divide este livro de poesia em quatro partituras, com temas que vão de uma homenagem ao couro, presença elementar no sertão nordestino, a cartões postais com lembranças de viagens mundo afora (Atenas, Praga, Rimini, Nova York, Belém, Istambul). Dele disse o crítico Wilson Martins: “Ele é um pouco o albatroz baudelairiano da poesia brasileira contemporânea, impedido do percurso terrestre por suas asas de gigante”.
   
Gerardo Mello Mourão R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 85-7475-046-8; 125 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
Antonio Torres - uma antologia
 
   
— Nascido em Diamantina, MG, em 1885 e morto em 1934 como cônsul do Brasil em Hamburgo, Alemanha, o ex-padre Antônio Torres foi um dos mais geniais e polêmicos cronistas brasileiros de todos os tempos. Dotado de muita cultura, coragem e senso de humor, de 1910 a 1930 ele reinou absoluto: era o jornalista mais lido, o maior ironista, polemista e panfletário da época. O organizador deste livro, Raul de Sá Barbosa, tradutor de mais de 100 autores (entre eles Charles Dickens, John Milton e Virginia Woolf), foi cônsul-adjunto em Hamburgo, onde iniciou apurada pesquisa sobre a vida e a obra de seu ilustre antecessor no cargo. O resultado do trabalho é esta Antologia, com preciosa introdução e notas, que devolve ao público um dos mais inteligentes e populares de nossos escritores, injustamente esquecido há décadas. Com 16 páginas de fotografias.
   
Antônio Torres R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 85-7475-054-9; 335 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Anulação & outros reparos
 
   
— Primeiro livro publicado nos anos 60 por Bruno Tolentino, com prefácio de José Guilherme Merquior. Nesta nova edição da Topbooks, lançada em 1998, o autor fez sua versão definitiva e incluiu outros poemas, um deles, muito comovente, escrito sob o impacto da morte, aos 35 anos, de uma ex-namorada, a atriz Anecy Rocha.
   
Bruno Tolentino R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 85.86020-58-3; 298 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Resenha(s)  
   
Caminhos do açúcar / Ecologia, gastronomia, moda, religiosidade e roteiros
 
   
— Antropólogo e museólogo, o autor representa no Brasil o ICAF – International Council Anthropology Food. Criador e coordenador do Grupo de Antropologia da Alimentação Brasileira (Fundação Gilberto Freyre), curador da Fundação Pierre Verger (Bahia) e do Instituto de Arte e Cultura (Ceará), sócio efetivo do Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico Pernambucano, Lody tem vasta obra na área do patrimônio de matriz africana, da antropologia da alimentação e do legado de Gilberto Freyre, e há 40 anos realiza extenso trabalho de etnografia no Brasil, em países africanos e na América Latina. Este seu novo livro é “uma obra cuja abrangência de abordagem permite que se penetre no mundo freyriano e, ao mesmo tempo, se perceba o que vai além dele”, como escreve o historiador Clênio Sierra de Alcântara no prefácio. No texto de apresentação, Edson Nery da Fonseca, professor emérito da UnB, após ressaltar que “nada parece escapar ao olhar perscrutador do Raul Lody”, afirma que este ensaio “veio a lume para nos dizer que o mundo que Gilberto Freyre criou – ou recriou, como queiram – é um mundo cuja abrangência vai muito além das simples especulações e dos meros traçados explicativos a respeito disto ou daquilo”.
   
Raul Lody R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-194-8; 305 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Com o suor na alma
 
   
— Esta é a primeira incursão do autor no território da prosa, e aqui ele nos oferece um texto com o mesmo rigor e concisão que têm caracterizado seu trabalho como poeta nos últimos 35 anos. Trata-se de uma novela que fala do acaso e da necessidade como molas propulsoras do mundo; disseca as tensas relações de trabalho entre os detentores dos meios de produção e a imensa maioria da população que aluga seu corpo em troca de salário; e examina as mudanças na vida das cidades entrelaçadas com as mudanças na existência dos homens que as habitam. Mas é também, e antes de tudo, uma história de amor e sexo. Ex-ministro de Estado da Cultura do governo Itamar Franco, ex-secretário de Cultura do governo Aécio Neves, Nascimento Silva é advogado e mestre em direito econômico pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, e já publicou as seguintes obras: O segredo da Lua quem sabe é o clarão do Sol (Cátedra, 1975), Arco da manhã (Massao Ohno Editor, 1992), O tributo do tempo (Record, 1997), A flauta vertebral (Rocco, 1999), Cidade de Deus (Rocco, 2001) e O alfabeto da devassa (Rocco, 2005).
   
Luiz Roberto Nascimento Silva R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-197-9; 88 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Entrevista(s)  
   
Como governar um estado – O caso da Bahia
 
   
— Depois de produzir, entre outros títulos, belos ensaios sobre a inveja e o ódio, um terceiro dedicado a compreender a força da vocação, um quarto em que analisa 51 personalidades marcantes do país e mais um onde discute as sete pragas do Brasil moderno, o advogado, articulista e empresário baiano Joaci Góes lança este estudo pioneiro e audacioso. Após ressaltar, na introdução, que não existem livros destinados a instruir sobre como governar um país, um estado ou mesmo um município, o autor discorre acerca dos princípios gerais que devem reger a administração pública, e então se debruça detalhadamente nas principais questões de sua terra natal, apontando caminhos e soluções. O resultado é um admirável trabalho que muito contribui para a maior compreensão dos problemas que afligem não só a Bahia como todo o Brasil.
   
Joaci Góes R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-278-5; 271 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Consultor Tributário / Estudos jurídicos
 
   
— Especialistas em Direito Tributário, os autores lançam agora em livro os artigos mais importantes que assinaram na revista eletrônica Consultor Jurídico nos últimos anos. Brigagão, sócio do escritório Ulhôa Canto, Rezende e Guerra Advogados, é presidente da Associação Brasileira de Direito Financeiro e professor da Fundação Getúlio Vargas; Taveira Torres, professor titular do Departamento de Direito Econômico, Financeiro e Tributário da Faculdade de Direito da USP, é livre-docente (USP), doutor (PUC-SP), mestre (UFPE) e especialista em Direito Tributário (Università di Roma/La Sapienza); Mauler Santiago, sócio do escritório Sacha Calmon–Misabel Derzi Consultores e Advogados, é mestre e doutor em Direito Tributário pela Universidade Federal de Minas Gerais e membro da Comissão de Direito Tributário do Conselho Federal da OAB; e Duque Estrada, advogado no Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília, é sócio do escritório Xavier, Duque Estrada, Emery, Denardi Advogados. Segundo Ricardo Lobo Torres, professor titular aposentado de Direito Financeiro na UERJ, “os autores são advogados consagrados no foro do Rio, SP e Brasília, e seu livro apresenta forte teor didático”. O também advogado Sacha Calmon tem opinião semelhante: “Assíduos nos mais exigentes auditórios do Brasil e do exterior e escolados na condução de leading cases nas Cortes Superiores, Gustavo, Heleno, Igor e Roberto sabem ser profundos sem pedantismo, exaustivos sem cansar, enfáticos com elegância, e convincentes com plena honestidade intelectual. (...) O leitor pode estar seguro de ter em mãos material de primeiríssima linha para formar o seu juízo sobre as discussões tributárias da atualidade”.
   
vários autores R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-244-0; 437 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação O(s) autor(es)  
   
Dicionário Inglês-Português
 
   
— Ao iniciar bem cedo o estudo de diferentes idiomas, Ruymar Andrade logo percebeu que, em inglês, francês e espanhol, muitas das palavras com raízes no latim guardavam grande semelhança, ou eram idênticas a inúmeras outras da língua portuguesa, apresentando, porém, nessa última, significado parcial ou inteiramente diverso daquele que possuem nas outras línguas. Por isso, o autor passou a tratá-las como “falsas amigas”. O ineditismo dessa obra chama especial atenção por seu elevado número de verbetes: são cerca de 4.500 vocábulos cognatos, cujas grafias ou pronúncias idênticas, semelhantes ou evocativas se revelam surpreendentemente traiçoeiras em seu significado. Eis aqui uma obra pioneira, que em boa hora surge para ‘desmascarar’ um enorme contingente de “falsas amigas”, e é, por isso mesmo, recomendada a professores e estudantes da língua inglesa, tradutores, executivos, profissionais liberais e público em geral, nos colégios, universidades, cursos, bibliotecas e empresas.
   
Ruymar Andrade R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-208-2; 231 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Doutor Fausto
 
   
— António Vieira nasceu em Lisboa, em 1941, e teve um percurso universitário ao longo do qual ensinou psicopatologia, etologia e antropologia física. Deixou a Universidade para se dedicar plenamente à literatura, e entre seus livros de ensaio e ficção destacam-se Discurso da ruptura da noite (1976), Ensaio sobre o termo da História (1994 e 2010), Metamorfose e jogo em Mário de Sá-Carneiro (1997), O regresso de Penélope, romance (2000), Tunturi, novela (edição brasileira de 2002, SP, W11/Francis), Dissonâncias, contos (edição brasileira de 2002 sob o título Contos com monstros, SP, Globo), Sete contos de fúria (2003, SP, Globo), Improvisações sobre a ideia de Deus (ensaio 2005), Fim de Império, romance (2009) e Olhares de Orfeu, contos (2013). O protagonista deste Doutor Fausto é um filósofo ítalo-alemão que se torna discípulo de Husserl e intérprete de Nietzsche. Quando celebra o famoso pacto com as forças obscuras, rejuvenesce e toma a idade do autor. No texto de apresentação, Rosa Dias e Julio Bressane afirmam que o autor “usa uma técnica novelística ousada (...). Para construir este romance filosófico, Vieira foi buscar inspiração em grandes figuras da área, entre as quais Montaigne, Husserl e Nietzsche. Tanto os percursos de Fausto como os rumos da trama são guiados pela ideia da fenomenologia. O porquê do Ser total arrasta Fausto para a filosofia”.
   
António Vieira R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-220-4; 342 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Entre Genebra e a Guanabara – A discussão política huguenote sobre a França Antártica
 
   
— No século XVI, a Baía de Guanabara abrigou a França Antártica, chefiada por Nicolas Durand de Villegagnon. Tal como a Europa de então, a colônia se encontrava dividida em vários grupos religiosos, sobretudo católicos e huguenotes, que mantinham relação ambígua e conflituosa. Os protestantes afirmavam procurar no Novo Mundo um lugar onde pudessem “melhor servir a Deus”. Neste livro, o autor – mestre e doutorando em história pela UFF – busca reconstruir a discussão através da qual os huguenotes elaboraram esse ideal e seus desdobramentos religiosos, políticos, econômicos e sociais, analisando cartas e relatos impressos produzidos por tão singulares personagens. A obra aborda a pluralidade de significados do continente americano para a cultura europeia da época, nessa aventura num Brasil dividido entre portugueses e franceses. Para o embaixador e historiador Vasco Mariz, autor de Villegagnon e a França Antártica (Topbooks), no ensaio de Luiz Fabiano “o leitor acompanhará a provável preparação de todos os aspectos desse projeto colonial huguenote a ser implantado nas Américas. (...) Esse novo ângulo escolhido pelo autor é original na nossa bibliografia sobre o assunto e merece atenção e estudo”.
   
Luiz Fabiano de Freitas Tavares R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-193-1; 224 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Guerra do Brasil - Contos da Guerra do Paraguai
 
   
— Um dos mais premiados cineastas brasileiros, Sylvio Back (O Contestado, Lost Zweig, Aleluia Gretchen) faz sua estreia no conto com a coletânea Guerra do Brasil, título homônimo de seu polêmico filme sobre a Guerra do Paraguai (1864-1870), realizado em 1987, e base desse livro que reúne cinco histórias curtas, um “conto-poema” e um “conto-novela” – neologismo criado pelo autor para definir uma narrativa que rompe com a extensão clássica do gênero. A originalidade maior reside na corajosa imersão do autor catarinense no conturbado passado dos países da então Tríplice Aliança (Brasil, Argentina e Uruguai) e ao “inimigo comum” da época: o Paraguai. Com ilustrações do desenhista e caricaturista Cárcamo e apresentação do escritor Marcelino Freire, este livro, a exemplo do próprio filme, é um memorial histórico, irônico e afetivo, frequentemente autobiográfico, sobre o amplo universo mítico da Guerra do Paraguai, talvez uma das últimas exorcizações da nacionalidade que ainda precisavam ser feitas para explicar os contornos anímicos do Brasil.
   
Sylvio Back R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-182-5; 155 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação Resenha(s)  
   
Homens e coisas estrangeiras
 
   

— Publicadas em 1902, 1905 e 1910, as três partes que compõem esta obra só agora ganham segunda edição, desta vez em um volume e com a chancela da Academia Brasileira de Letras, que teve José Veríssimo entre seus fundadores. Enriquecido por um substancioso prefácio de João Alexandre Barbosa, este livro ganhou também um apêndice com mais cinco textos do autor, extraídos de Que é literatura? e outros escritos (1907), totalizando 70 ensaios sobre figuras como Tolstoi, Nietzsche, Zola, Victor Hugo, Chateaubriand, Napoleão, Alexandre Dumas, Anatole France, Gabrielle d'Annunzio, Eça de Queiroz, Bocage, Cervantes, Shakespeare e padre Vieira.

   
José Veríssimo R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 85-7475-066-2; 685 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Resenha(s)  
   
Imaculada
 
   
— Num romance inspirado em fatos reais, a jornalista Denise Assis desvenda a misteriosa história de uma freira do interior paulista que em 1969 foi presa, torturada, estuprada, e depois banida do país, só retornando dez anos depois, com a anistia. Para o prefaciador do livro, o historiador Carlos Fico, “as passagens em que Denise relata a tortura são pungentes. Os ambientes, as práticas, o perfil dos agentes da repressão, sua linguagem, seus hábitos, tudo está ali, com muita fidedignidade”. Ele cita o romancista italiano Alessandro Manzoni (1785-1873), segundo o qual “os romances históricos são verossímeis independentemente de qualquer garantia explícita do autor”. Na apresentação desta obra, a cientista política Maria Celina d’Araújo ressalta que “a vantagem de ser ficção permite explorar espaços que fazem refletir, de maneira mais livre, sobre as escolhas que fazemos e sobre a força do acaso”.
   
Denise Assis R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-220-4; 220 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação O(s) autor(es) Resenha(s) Reportagem(ns)  
   
Introdução a Machado de Assis & outros ensaios
 
   
— José Barretto Filho representou na cultura brasileira uma nova forma de pensar. Sua obra, rica e variada, permanece mais por suas características espirituais do que intelectuais. Nos textos aqui publicados, organizados por seu filho Vicente de Paulo Barretto, constata-se a superação da estrita crítica literária como modo de expressão, que é alçada ao patamar da inquietação filosófica e de uma vivência espiritual maior. Afastado do burburinho das tertúlias intelectuais e embates políticos, Barretto Filho (1908-1983) refugiou-se numa intensa vida interior, onde pôde demonstrar de que forma, em suas palavras, “o frêmito diante das coisas” é irredutível à racionalização. Em "Esquema de Machado de Assis", ensaio no qual Antonio Candido faz uma síntese precisa sobre a história da recepção crítica da obra machadiana, o crítico destaca Barretto Filho como um dos melhores, e seu livro Introdução a Machado de Assis, lançado originalmente em 1947, como "uma das interpretações mais maduras que possuímos de sua obra".
   
Barretto Filho R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-238-9; 448 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Minhas recordações
 
   

— Escrito em 1887 e lançado em 1944, este foi apontado como “o melhor livro brasileiro de memórias do século XIX” pelo crítico An­tonio Candido, que acrescentou: “Ferreira de Rezende é um escritor direto e aparentemen­te tosco; mas o seu estilo, peculiar e original, é uma espécie de revelação constante da realidade (...). Minhas recordações [são um] exemplo da capacidade demonstrada por tantos mineiros de, inserindo o eu no mundo, mostrar os aspectos mais universais nas ma­nifestações mais particulares”. Com prefácio de Octavio Tarquínio de Souza e introdução de Cássio Barbosa de Rezende, esta segun­da edição, mais de seis décadas depois da primeira, ga­nha prefácio da historiadora Mary del Priore.

   
Francisco de Paula Ferreira de Rezende R$ 10,00

Quantidade   

978-85-7475-252-5; 508 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
O Brasil do Nordeste – Riquezas culturais e disparidades sociais
 
   
— Eis aqui um dos estudos mais completos sobre a atual realidade desse país, elaborado por um profundo conhecedor da América Latina a partir de experiências por ele vivenciadas. O Nordeste brasileiro é, provavelmente, uma região única no mundo por sua diversidade e riqueza cultural, sua religiosidade e crenças populares. Com três vezes o tamanho da França, vê-se confrontado com graves problemas socioeconômicos que as autoridades federais e regionais se esforçam em resolver conscientes da marginalização e da discriminação impostas às populações pobres, durante muito tempo, pelas oligarquias rurais. Diplomata e historiador francês, o autor nos oferece uma introdução clara, inteligente e apaixonante a todas essas questões, analisadas aqui de forma franca e sem rodeios.
   
Patrick Howlett-Martin R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-179-5; 437 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
O guardador de abismos
 
   
— Após o elogiado O catador de palavras, lançado pela Topbooks em 2001, o poeta paulista confirma seu talento neste belo livro em que revela os encontros e desencontros de um homem com sua infância. Segundo o poeta e acadêmico Carlos Nejar, autor do prefácio, Antonio Ventura “de catador de palavras passou ao ofício de guardador de abismos. O primeiro movimento era de fora para dentro, agora é de dentro para fora. Antes plantou, agora aprofunda e depura o que plantou”. Com Carlos Drummond de Andrade como principal interlocutor, aqui o autor dialoga também com Heráclito, Cervantes, Fernando Pessoa, García Lorca, Jorge Luis Borges, Lygia Fagundes Telles, Mário Chamie, João Cabral e Clarice Lispector.
   
Antonio Ventura R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-231-0; 223 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
O imperador das idéias / Gilberto Freyre em questão
 
   
— Em agosto de 2000, nas celebrações do centenário do mestre de Apipucos, realizou-se no Rio e em SP, por iniciativa do Colégio do Brasil, com participação da Academia Brasileira de Letras e coordenação da Fundação Roberto Marinho associada à UniverCidade, ao Instituto de Estudos Avançados da USP, à Folha de S. Paulo e à Secretaria de Cultura de Pernambuco, o seminário “Gilberto Freyre, patrimônio brasileiro”, de que resultou este livro. Ensaios de intelectuais brasileiros (como Evaldo Cabral de Mello e Carlos Guilherme Mota) e estrangeiros (como Peter Burke e Stuart Schwartz) que participaram do encontro se juntam a outros artigos encomendados para reforçar a polêmica em torno de G. F., com ênfase nas diferenças entre seu pensamento e o da chamada Sociologia Paulista. Em anexo, fotos, artigos de e sobre G. F. e uma seleta da correspondência a ele enviada.
   
Org.: Joaquim Falcão e Rosa Maria B. de Araújo R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 85-7475-041-7; 303 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
O livro de minha mãe
 
   
— Ao narrar aqui suas lembranças, reunidas a partir de morte da mãe em 2009, a autora homenageia todas as mães de forma emocionada e muito bem escrita. Artesã da palavra, como a chamava o memorialista Pedro Nava, Maria José publicou ensaios fundamentais que demonstram sua erudição, como A literatura e o gozo impuro da comida, de 1994; Os males da ausência ou A literatura do exílio, de 1998, e Em nome da pobreza, de 2006. Doutora em letras pela UFMG, livre-docente e professora catedrática, por concurso, da mesma universidade; Visiting professor – Indiana University, Professeur associé – Université de Paris-Sorbonne, Gast Professor – Bonn Universitat e Koln Universitat, ganhou os prêmios Jabuti / Ensaio (CBL; Othon Lynch Bezerra de Mello / Ensaio (Academia Mineira de Letras); Pandiá Calógeras / Erudição (governo de MG); Sílvio Romero / Ensaio (ABL); Prêmio Nacional Literário PEN Clube do Brasil / Ficção, entre muitos outros. Na apresentação deste novo livro, Lyslei Nascimento observa: “Inscrita na longa tradição de escritores que, no luto, tentam explicar a grande falta que é a morte da mãe, Maria José de Queiroz faz ecoar os fragmentos de Diário do luto, de Roland Barthes, em que o escritor trata de “uma dor absurda, impossível de contornar”.
   
Maria José de Queiroz R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-241-9; 252 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
O outro lado da lua
 
   
— Formado em Letras Modernas pela USP, Sérgio França Danese (São Paulo, 1954) é diplomata de carreira: em 2015, após dois anos e meio no cargo de Subsecretário-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior, tornou-se Secretário-Geral das Relações Exteriores, equivalente a Vice-Ministro no Itamaraty, e em junho de 2016 foi nomeado embaixador do Brasil na Argentina. Nesta novela, narrada em primeira pessoa, o protagonista é um publicitário de prestígio que atravessa difícil momento pessoal e profissional, e se vê salvo do caos por um terrier. Como diz o crítico Alvaro da Costa e Silva no texto de apresentação, o autor “nos mostra como precisamos do afeto e da generosidade dos cães”, o que seria “apenas uma das surpresas desse livro ágil e bem-humorado”. Sérgio Danese é também autor de dois livros publicados pela Topbooks – Diplomacia presidencial: História e crítica (1999) e A sombra do meio-dia (2003), sua estréia na ficção – e em 1994 ganhou o prêmio da Fundação Nacional do Livro Infantojuvenil por A história verdadeira do Pássaro-Dodô.
   
Sérgio Danese R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-268--6; 158 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Pecado mortal / Um padre, uma freira, um governador, um duplo homicídio
 
   
Jovem e cheio de sonhos, Dario Prudente decide pendurar os investimentos necessários para ganhar seu primeiro mandato eletivo nos ombros do futuro sogro – que, embora ainda não conheça, sabe que faz parte da lista, periodicamente alterada, dos homens mais ricos de Pernambuco. Investe nisso, casa-se com a filha de um poderoso fazendeiro, torna-se governador do Estado, e forma uma dupla inseparável com o padre Franco, a quem nomeia assessor especial do Governo. Até que surge no cenário uma freira belíssima... Eis o mote para o livro de Antonio Martins, que começou a criar ficção já no início do curso ginasial. Após sete anos ligado à Igreja como seminarista, graduou-se em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, percorrendo redações como repórter, redator e gestor. No Recife, testemunhou e reportou várias passagens marcantes do regime militar; em Brasília, cobriu a carpintaria do Executivo e do Legislativo; e desde os anos 1990 mantém parceria profissional com os comunicadores de rádio de todo o país. Tais atividades lhe trouxeram inspiração para escrever esse ótimo romance.
   
Antonio Martins R$ 10,00

Quantidade   

978-85-7475-272-3; 266 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Pela moldura da janela & outras histórias
 
   
— Esta nova coletânea de contos da professora Maria de Lourdes Dias Leite Barbosa, mestre em literatura brasileira e vice-presidente da Academia de Letras e Artes do Nordeste/Ceará, ganhou o Prêmio Milton Martins, da Academia Cearense de Letras. Como disse, na nota introdutória, a professora e psicanalista Laéria Fontenelle, “os contos desse livro são a aventura do humano. Os aparentemente pequenos — no entanto, intensos — dramas existenciais motivam os enredos, fornecem o tom com que se revestirá cada narrativa". Para a psicóloga Beatriz Jucá, o novo livro de Lourdinha “é fruto de uma ‘brincadeira’ estética que exigiu muito engenho e arte, muito diálogo interno e refinado senso de percepção. Em cada novo conto transparece sua habilidade de construir personagens, desembaraçar mistérios e desenredar sentimentos”. Segundo Vicência Freitas Jaguaribe, professora da Universidade Estadual do Ceará, “a alma feminina se encontra no centro das atenções da autora. É justamente nas narrativas que expressam a condição feminina que a sensibilidade criadora de Lourdinha mais se patenteia”.
   
Lourdinha Leite Barbosa R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-191-7; 141 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Praia provisória
 
   
— Nova obra do autor cearense – de quem a Topbooks editou os livros de poesia Em trânsito (1996), Beira-Sol (1997), Fala, favela (1998) e O lote clandestino (2002), além do ensaio As artes de enganar: um estudo das máscaras poéticas e biográficas de Gregório de Mattos (2000), sua tese de doutorado – Praia provisória traz 70 poemas divididos em cinco temas: Maramar; O sol desnudo; Os hóspedes; Os navegantes velozes, e Armadilha para Orfeu. Sobre o poeta, disse o crítico Ricardo Vieira Lima em O Globo: “Adriano Espínola é um mestre consumado do verso, seja livre ou medido, rimado ou branco. (...) Por não temer o peso literário do passado, Espínola consegue inovar, no tocante ao tema clássico da viagem, presente desde Homero e Virgílio, resgatando a originária condição do poeta de fundador de cidades”.Também Domício Proença Filho o considera "o poeta da cidade e sua vertigem", e Manuel da Costa Pinto definiu-o como escritor essencialmente urbano, que "faz da multiplicação de poéticas uma forma de dar conta da pluralidade de experiências que caracteriza a vida na cidade”.
   
Adriano Espínola R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 85-7475-117-0; 116 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação Resenha(s)  
   
Quermesse
 
   
— Com prefácio do poeta e crítico literário Felipe Fortuna, que chama o autor de “poeta original”, Quermesse reúne os versos eróticos do cineasta Sylvio Back, um dos raros escritores a investir nessa dicção incomum da lírica brasileira. Compilando seus livros anteriores – O caderno erótico de Sylvio Back (1986), A vinha do desejo (1994), boudoir (1999) e As mulheres gozam pelo ouvido (2007) – Quermesse abre com 55 poemas inéditos, e traz soberba fortuna crítica, com elogios que vão de Paulo Leminski, Décio Pignatari e Moacyr Scliar a Carlos Nejar, Marcelino Freire e Affonso Romano de Sant’Anna, entre outros. Para Luiz Antonio de Assis Brasil, Back “é o Bocage moderno, só que com muito mais graça e senso de humor”. Autor do texto de apresentação do livro, o jornalista e escritor Roberto Muggiati sentencia: “Não existe tristeza na Utopia backiana, o gozo é eterno neste novo mundo amoroso (...) que une num jardim das delícias os países baixos e os cumes cerebrais. Um sexo sem tristeza e sem culpa, ao melhor estilo do nosso pai espiritual, Henry Miller”.
   
Sylvio Back R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-227-3; 280 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação Resenha(s) Link(s) externo(s)  
   
Rubaiyát
 
   
— Nascido em 1040 em Nichapur, na Pérsia, mesma cidade em que morreu em 1120, o poeta Omar Ibn Ibrahim El Khayyam foi, também, astrônomo e matemático. Rubaiyát, plural da palavra rubai, significa quadras, ou quartetos, nos quais o primeiro, o segundo e o quarto versos são rimados e o terceiro é branco. Muita gente, no Brasil e no mundo, traduziu esses versos de Khayyam, mas a edição que agora a Topbooks põe nas livrarias é resultado de um longo, dedicado e minucioso trabalho do tradutor João Baptista de Mello e Souza (1888-1969), que finalizou sua árdua tarefa em 1959 mas não pôde vê-la publicada. Autor de um delicioso livro de memórias de infância, Meninos de Queluz, o paulista do Vale do Paraíba era, ao contrário do ateu Khayyam, um homem de fé. Segundo o historiador Alberto da Costa e Silva, entusiasta dessa bela tradução, “aqueles que, desde muito, conhecem a poesia do persa a reencontrarão neste volume com uma dicção diferente, personalíssima. Os que dela só tinham notícia se comoverão ao receber, vindas de tão longe no tempo, estas lições sobre a inutilidade da aventura humana. E não mais esquecerão o impacto destes versos”. Para o poeta Marco Lucchesi, que assina o texto de apresentação, “é livro que enriquece o capítulo da literatura persa no Brasil e que merece todo o nosso aplauso”.
   
Omar Khayyam R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-219-8; 172 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
Tempo dos mortos (Estação da morte, O enigma e O sonho)
 
   
— Reedição da premiada trilogia do poeta e escritor cearense de quem a Topbooks também editou a Trilogia da Maldição: O dragão, Os verdes abutres da colina e João Pinto de Maria (Biografia de um louco). O autor estreou como poeta em 1952, com Noções de poesias e artes, obra elogiada por Cassiano Ricardo, e em 1964 lançava seu primeiro livro de ficção, O dragão. Para o ensaísta e crítico literário Assis Brasil, é exatamente neste Tempo dos Mortos que José Alcides Pinto "em maior profundidade esquematiza o existir do homem e sua circunstância, com personagens exemplares como Quintino e Iolanda, padre Hugo e doutor Braz, Débora e o Engenheiro, cuja morte faz lembrar o melhor García Márquez". E completa: "Com a mídia tomando conhecimento de sua presença ou não, seu nome está inscrito, sem contestação, nos anais da Arte nacional de todos os tempos". Na opinião de José Louzeiro, "se José Alcides Pinto escrevesse em inglês, as editoras que se ocupam com os best-sellers estariam procurando mantê-lo na lista dos mais vendidos. É tão ousado quanto Henry Miller do Trópico de Câncer, tão poético quanto o Nabokov do Lolita. Com uma diferença: neste autor a metáfora ganha efeito especial, como no cinema de Spielberg".
   
José Alcides Pinto R$ 10,00

Quantidade   

ISBN:978-85-7475-133-7; 208 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
   
Venho de um país selvagem
 
   
— Nascido em São Paulo em 1975, o poeta Rodrigo Petronio é editor, escritor, professor e pesquisador. Formado em Letras Clássicas e Vernáculas pela USP, trabalha no mercado editorial há mais de dez anos. Colabora para vários veículos da imprensa, e tem poemas, contos e ensaios publicados em revistas nacionais e estrangeiras. Professor e coordenador da Academia Internacional de Literatura (AIL) e do Centro de Estudos Cavalo Azul, fundado pela poeta Dora Ferreira da Silva, e coordenador de grupos de leitura do Instituto Fernand Braudel, ganhou prêmios nacionais e internacionais nas categorias poesia, prosa de ficção e ensaio. Autor dos livros História natural (poemas, 2000), Transversal do tempo (ensaios, 2002) e Assinatura do sol (poemas, 2005), foi finalista do Prêmio Jabuti 2006 com o livro de poemas Pedra de luz, e recebeu o Prêmio Academia de Letras da Bahia/Braskem 2007 com as belas poesias deste Venho de um país selvagem, agora editado pela Topbooks em convênio com a Braskem.
   
Rodrigo Petronio R$ 10,00

Quantidade   

ISBN: 978-85-7475-168-9; 102 pgs
Para adquirir este livro, informe a quantidade desejada e clique em Comprar.
   
Apresentação  
   
   
Privacidade

Envio de originais

Mensagem do Editor

Topo Início Anterior
TOPBOOKS EDITORA E DISTRIBUIDORA DE LIVROS LTDA.
Rua Visconde de Inhauma, 58 - Sala 203 - Rio de Janeiro - CEP 20091-000
Telefones: (21) 2233-8718 ou (21) 2283-1039
Copyright © Topbooks, 2003 - 2021 - É proibida a reprodução total ou parcial sem autorização - Projeto QV